.
.

Acessibilidade

Aumentar Fonte
.
Diminuir Fonte
.
Fonte Normal
.
Alto Contraste
.
Libras
.
Vlibras

O conteúdo desse portal pode ser acessível em Libras usando o VLibras

Mapa do Site
.
Acesso à informação
.

De segunda a sexta das 7h30 às 17h

Idioma

Português

English

Español

Francese

Deutsch

Italiano

Saúde - Terça-feira, 16 de Abril de 2024

Buscar Notícia

Notícias por Categoria

Censitário Canino começa nesta quarta-feira na zona Leste de Tupã

Agentes começaram a divulgação na região para orientar sobre os procedimentos adotados


Censitário Canino começa nesta quarta-feira na zona Leste de Tupã

Com o objetivo de identificar precocemente casos de leishmaniose em Tupã, a Prefeitura, por meio da Secretaria Municipal de Saúde, dará início ao Censitário Canino nesta quarta-feira (17). A ação, anualmente realizada para garantir a saúde dos animais e da população, será iniciada na zona Leste do município, nas residências das Cohabs Deputados Jamil Dualib e Papa João Paulo II.

 

Nesta terça-feira (16) agentes do Centro de Controle de Zoonoses iniciaram visitas nas casas da região contemplada, informando sobre a necessidade de autorizar a retirada de sangue dos cachorros e de fornecer dados básicos, essenciais para entrar em contato com o responsável pelo animal, caso o resultado seja positivo.

 

Segundo o Departamento responsável, o material coletado será enviado ao Instituto Adolfo Lutz - CLR IV de Marília, unidade de referência, e posteriormente informado o resultado. Para as análises negativas, o Centro destaca que os tutores não receberão ligações, o informativo será feito somente aos casos positivos da doença.

 

“A Leishmaniose pode levar a óbito se não tratada com agilidade de forma adequada. Por isso, anualmente os agentes de Zoonoses realizam essa varredura pela cidade para conseguir detectar com rapidez casos positivos. Pedimos também para que os moradores recepcionem os agentes, a extração da mostra sanguínea é rápida e extremamente importante”, pediu o responsável pela ação do Censitário, Douglas Hayami Kimura.

 

O secretário de Saúde, dr. Miguel Ângelo de Marchi, ainda destacou que ações preventivas podem evitar o aparecimento do mosquito-palha, e que os tutores devem observar a saúde dos animais.

 

“O Censitário é um trabalho extremamente eficaz, mas os cuidados devem ser realizados durante todo o ano. Lesões na pele, emagrecimento, e fraqueza nas patas traseiras, são sintomas comuns da doença nos cães”, informou.

148 Visualizações

Notícias relacionadas

Voltar para a listagem de notícias

.
.

Calendário de eventos

.
.

Acompanhe-nos

.

Unidades Fiscais

.
ONIBUS - 2023

R$ 2,00

.
UFM - 2024

R$ 108,54

.
.

Prefeitura da Estância Turística de Tupã - SP.
Usamos cookies para melhorar a sua navegação. Ao continuar você concorda com nossa Política de Cookies e Políticas de Privacidade.