Texto Maior
Texto Maior
Texto Maior
Texto Menor
Texto Menor
Texto Normal
Texto Normal
Contraste
Contraste
Libras
Libras
Vlibras

O conteúdo desse portal pode ser acessível em Libras usando o VLibras

Acesso à informação
Acesso à informação

Tupã, domingo, 03 de julho de 2022 Telefone (14) 3404-1000

Atendimento Atendimento: De segunda a sexta das 7h30 às 17h

Prefeitura Municipal de Tupã
Domi
03/07
Predomínio de Sol
Máx 29 °C
Min 17 °C
Índice UV
5.0
Segu
04/07
Predomínio de Sol
Máx 27 °C
Min 16 °C
Índice UV
5.0
Terç
05/07
Predomínio de Sol
Máx 27 °C
Min 15 °C
Índice UV
5.0
Quar
06/07
Predomínio de Sol
Máx 28 °C
Min 17 °C
Índice UV
5.0

Assuntos Jurídicos - Terça-feira, 01 de Dezembro de 2020

Buscar Notícia

Notícias por Categoria

Carreata pelo fim da violência contra a mulher reuniu dezenas de carros

Carreata pelo fim da violência contra a mulher reuniu dezenas de carros


Na manhã do último sábado (28);* a Carreata Pela Eliminação da Violência Contra a Mulher reuniu cerca de 50 veículos;* integrando uma campanha de conscientização desenvolvida pela Secretaria Municipal de Assistência Social;* por meio do CREAS (Centro de Referência de Assistência Social); OAB (Ordem dos Advogados do Brasil);* por meio da Comissão da Mulher Advogada; Polícia Civil;* através da DDM (Delegacia de Defesa da Mulher); e com o apoio da 3W Eventos.

Raquel Machado;* presidente do Conselho Municipal dos Direitos da Mulher;* explicou que esta carreata é uma forma de se manifestar contra a violência. Ela enfatizou que a mulher deve denunciar pelo CREAS;* DDM e buscar todo o apoio disponível pelo Município;* Estado e Governo Federal.

“Esta é uma forma de nos manifestarmos e dar um ‘basta’ na violência contra as mulheres. Mulher quer respeito;* admiração;* proteção e apoio; e ela pode e deve estar onde quiser. Por isso;* denuncie por meio do CREAS;* DDM e busque o apoio e acolhimento ali disponível. É importante buscar ajuda antes que haja reincidências;* que podem causar a morte da vítima entre outras consequências”;* disse.

De acordo com Jaqueline Fernanda Vieira;* coordenadora do CREAS;* este é um dos principais eventos da campanha realizada junto à OAB e DDM. Jaqueline explicou que o Centro é especializado em realizar o acolhimento de vítimas de violência;* e que estas têm uma equipe multidisciplinar à disposição.

“Esta carreata foi um importante marco para os trabalhos desenvolvidos durante a campanha e serve para lembrar a população que tem que denunciar a violência. No CREAS temos uma equipe multidisciplinar com a presença de psicólogo;* assistente social e orientador social;* para fazer o atendimento destas vítimas”;* explicou.

Já Sara Daniele;* presidente da Comissão da Mulher Advogada da OAB;* enfatizou que a carreata;* além de ser um importante marco para a campanha;* faz alusão ao Dia Internacional para a Eliminação da Violência contra as Mulheres;* escolhido pela ONU para ser lembrado no dia 25 de novembro. Sara ainda explicou um pouco da campanha desenvolvida ao longo do último mês.

“Realizamos a campanha em vídeo;* explicando a respeito dos tipos de violência e como ocorre. Percebemos ser ainda necessário realizar esta campanha durante a pandemia;* pois houve um notável aumento nos índices de violência contra a mulher e precisamos conscientizar a respeito das denúncias;* acolhimento e apoio. A conscientização também deve ser feita aos homens;* pois é muito melhor conscientizar e evitar estes casos do que punir”;* enfatizou.

A secretária municipal de Assistência Social;* Patrícia Fernandes;* destacou que é necessária a conscientização a respeito da violência e do acolhimento das vítimas;* bem como a manifestação do repúdio a agressão à mulher. Patrícia enfatizou que em muitos casos a vítima encontra dificuldades em se abrir com a família;* e por isso é fundamental poder contar com o acolhimento e apoio da Prefeitura;* Polícia Civil e OAB.

“Precisamos manifestar o repúdio à violência;* além de conscientizar as vítimas sobre as alternativas de acolhimento e suporte que existem no município. Sabemos que em muitos casos há falta de apoio dentro da família;* por isso recomendamos que em casos de violência física;* verbal ou psicológica;* busque pelo CREAS ou pela DDM. Nós mulheres merecemos viver dignamente e com respeito;* e para isso precisamos nos apoiar em todos os momentos”;* ressaltou.

FacebookTwitterWhatsAppImprimir

Voltar para a listagem de notícias

CALENDÁRIO DE EVENTOS

ACOMPANHE-NOS

UNIDADES FISCAIS

Fique por dentro dos índices - ver todas

UFM - 2022

R$ 97,88

Versão do sistema: 2.0.0 - 30/06/2022

Portal atualizado em: 01/07/2022 18:33:32

Prefeitura Municipal de Tupã - SP.
Usamos cookies para melhorar a sua navegação. Ao continuar você concorda com nossa Política de Cookies e Políticas de Privacidade.